Modelagem de Dados x Mineração de Dados


Seja bem Vindo!!


Neste artigo será apresentado de forma simples a diferença de Modelagem de Dados x Mineração de Dados, irei descrever os principais conceitos envolvidos em Modelagem de Dados, para você que deseja entrar no mercado Tech!!


O que é Mineração de Dados?

Mesmo que essas duas técnicas pareçam similares, possuem alguns pontos importantes que devem ser explicados, lembrando que um processo pode complementar o outro:

A Mineração de Dados compreende a localização e extração de forma estratégica de padrões de dados em grandes quantidades, para o uso em diversos setores da economia, Exemplo:

Uma empresa possui um produto novo e deseja lançar no mercado, mas antes deste lançamento gostaria de saber qual a tendência atual, através de informações encontradas nas Redes Sociais, Bando de Dados e outros, a empresa solicita uma pesquisa para compreender e criar um padrão de consumo, verificando o momento oportuno para o lançamento deste produto!!

A Mineração de dados trabalha com algoritmos específicos de aprendizagem de máquina, que são capazes de organizar e extrair os dados criando padrões para após agrupa-los, gerando gráficos e outras ferramentas para auxiliar os gestores nas tomadas de decisões.

Esta Técnica foi desenvolvida devido a grande quantidade de dados que as empresas possuem.

Diferença entre Dados e Informação

Dados: Podemos dizer que são códigos que originam as informações “informações não tratadas”, os dados separados normalmente não transmite uma informação ou possuem algum significado.

Veja se os dados abaixo possuem algum significado para você:

Joaquim – basquete – shopping – tênis


Informação: Após organizar os dados em um formato que passe a transmitir algum significado em contextos especifico, possuímos informação consolidada e a informação passa a ser compreendida, podendo dizer que a informação é a organização dos dados de forma relevante e com significado.

Agora após organizar os dados faz sentido?

Joaquim foi ao shopping comprar tênis, para jogar basquete.


A área de mineração de dados e todo o conhecimento adquirido nesta é utilizado em diversos setores da economia e a cada dia mais profissionais são necessários para atuar neste novo mercado!!

Mercado financeiro, Publicidade e propaganda, Controle de processos, Educação entre outras!!


O que é Modelagem de Dados?

A modelagem de dados é compreendida como sendo a representação ou abstração das informações de uma determinada realidade coorporativa ou não sendo chamado de minimundo e através desta abstração desenvolvemos nosso projeto, podemos compreender a modelagem de dados como sendo a coleta de dados do mundo real transformando esses dados em informações que serão armazenadas em um SGBD “Sistema de gerenciamento de Banco de Dados”.

Para construir um bom projeto, com uso de um Banco de dados “BD” devemos antes conhecer as regras de um negócio, sendo importante e fundamental, além da estrutura lógica e física de um BD, sendo essa a parte de modelagem de dados!!


SGBD “Sistema de gerenciamento de Banco de Dados”

O Sistema de gerenciamento de Banco de Dados é utilizado para armazenar e organizar os dados em tabelas, servindo para gerenciar e executar diversas ações em um banco de dados, como exemplo inserir, modificar, excluir e pesquisar dados quando for necessário, além de ajudar na segurança, integridade e backup dos dados.

Exemplos de SGBD: SQLServer, MySQL, Oracle, PostgreSQL entre outros.


Este processo é dividido em 3 Etapas, vejamos a seguir:


Modelo Conceitual:

Utilizamos a regra de negócio para desenvolver o modelo conceitual, neste momento todos os detalhes são descritos, possuindo informações coerentes compreendendo o objetivo de maneira geral para a construção da Base de Dados, este modelo não é utilizado para questões como o tipo de banco de dados que vou escolher ou estruturas físicas de armazenamento da base de dados.

Podemos usar o exemplo deste modelo com a construção de uma casa, sendo este modelo a planta ou esboço do projeto.

Exemplo de Modelo Conceitual representação gráfica:


Modelo Lógico:

Este modelo somente deve ser iniciado quando o modelo conceitual já esta completo, para que seu banco de dados esteja alinhado a necessidade do cliente ou do seu projeto não devemos pular nenhuma etapa de desenvolvimento.

Neste modelo definimos além das entidades, os atributos e o relacionamento entre elas, neste momento definimos os tipos de dados de cada atributo e a hierarquia, neste é descrito as tabelas que o banco de dados deve possuir, seus atributos(campos) chaves primárias e estrangeiras.

A partir desta etapa devemos nos preocupar com os aspectos de nomenclaturas e integridade dos dados, este modelo também é chamado de modelo relacional.

Abaixo exemplo de um modelo com o uso de duas Entidades “Tabelas”, Atributos “Campos” e das chaves Primaria e Estrangeira.


Modelo Físico:

Após a conclusão das etapas anteriores partimos para a construção do nosso Bando de Dados, que será realizado nesta etapa, devemos respeitar todas as decisões tomadas.

Neste momento iremos criar nosso Banco de Dados, após suas tabelas e atributos, neste momento que é efetuado a escolha de qual o melhor SGBD a ser utilizado no projeto.


Nos próximos artigos irei explicar cada etapa da modelagem de dados com exemplos!!


Agradeço Imensamente sua Atenção!!

Se gostou desse artigo, comente logo abaixo deixe sua opinião ou sugestão, caso tenha alguma ideia ou algo novo aproveite o espaço, compartilhe nas suas redes para me ajudar a criar mais conteúdos novos!!


Siga nossas redes para conteúdos novos toda semana em diversas áreas do conhecimento!!


Autor: Miguel Leme – Professor – Explicador, Especialista em Computação para Educação pela USP – São Carlos, Licenciado em Ciências pela USP – Ribeirão Preto – MBA em Business Intelligence, MBA em Inovação Tecnologia e Empreendedorismo, possui mais de 20 Anos de experiência em Educação e Tecnologia da Informação, Atuando em diversos setores como indústria, comercio e educação, tem como objetivo capacitar e ajudar profissionais que desejam atuar na área Tech!!

Apaixonado por Educação, Tecnologia e por Pessoas!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.